Tratando diretamente com o Governador Caiado, por telefone, Cambão foi peça fundamental na aprovação do projeto na Câmara de Vereadores de Luziânia


Por pouco a votação que doaria, ao Estado de Goiás, o recém construído Hospital de Luziânia, não atrapalhou os planos do governador Ronaldo Caiado (DEM), de estadualizar as instalações da unidade e utilizá-la como hospital de campanha para atender possíveis vítimas do COVID-19.

Vereadores da base do prefeito da cidade, Cristóvão Tormin (PSD), tentaram acrescentar ao projeto cláusulas que assegurariam, aos moradores do município, garantias de que teriam atendimento preferencial no hospital e que o patrimônio continuasse sendo da Prefeitura de Luziânia.

O Governo de Goiás advertiu que qualquer mudança no projeto inviabilizaria a estadualização e levaria a uma discussão jurídica interminável sobre o fato de o SUS ser universal.

Diante do impasse, o deputado estadual de Luziânia, Wilde Cambão (PSD), compreendendo que o momento demanda rapidez e urgência, interviu junto aos vereadores da base para que abrissem mão de alterar o projeto e votassem favorávelmente, para que a doação e estadualização do hospital ocorra o mais rápido possível.

“Estamos passando por um momento muito triste e crítico, não só em Luziânia, mas no mundo todo. Eu entendo e concordo com as mudanças propostas por nossos vereadores. Todas elas são justas e necessárias, mas diante do impasse das mudanças propostas e dada a necessidade de agilizar todas essas ações, eu intervi para que votassem o projeto como está”, explicou Wilde Cambão.

O Hospital de Luziânia é uma das inúmeras obras planejadas e construídas na gestão do prefeito Tormin. Com 100% da obra física já concluída e mais de 50% de todos os equipamentos e mobiliários adquiridos, o prefeito foi impedido de terminá-la devido ao seu afastamento do cargo pelo período de 120 dias.

Antes de sair, o prefeito deixou em caixa recursos para conclusão da aquisição dos equipamentos. Agora, com a estadualização, esses recursos poderão ser utilizados para compra de equipamentos e materiais necessários para o enfrentamento da pandemia, principalmente na aquisição de Equipamentos de Proteção Individual para servidores da Saúde.

Portal Cidades e Condomínios por Jornalista Paulo Melo 61 98225-4660 Sugestão de pauta: cidadesecondominios@gmail.com #Cidades #Condomínio #PauloMeloJornalista #CidadeseCondomínios