A missão de recolher entulhos


Foto: Divulgação/GDF Presente
Nesta semana, o Polo Norte do programa esteve em Planaltina, uma das regiões administrativas do DF em que mais se encontram inservíveis em locais impróprios. Foto: Divulgação/GDF Presente

Sofás, colchões, camas, fogões e geladeiras são itens que ainda compõem o lixo em muitas cidades e dão trabalho às equipes do GDF Presente. Chamados de inservíveis, eles deveriam ser descartados em locais próprios. No entanto, com frequência, são encontrados ao lado de lixeiras, na porta das casas e, também, em áreas de transbordo irregulares.

O recolhimento de entulhos, podas e inservíveis é feito diariamente pelo GDF Presente e pelo Serviço de Limpeza Urbana (SLU) nas cidades. Nesta semana, por exemplo, o Polo Norte do programa esteve em Planaltina, uma das regiões administrativas do DF em que mais se encontram inservíveis em locais impróprios. Cerca de três toneladas desse tipo de resíduo são retiradas quase que diariamente das ruas da cidade.

“Planaltina tem muitas áreas de transbordo proibidas, como o Jardim Roriz, por exemplo. O que recolhemos de sofá, microondas e camas quebradas chega a assustar”, explica o coordenador das equipes da área Norte, Ronaldo Alves. Segundo ele, a tarefa não é fácil. “Dá trabalho. Precisamos usar um caminhão próprio (carroceria) apenas para esse tipo de lixo”, explica.

No caso de Planaltina, os serviços são executados por um motorista e dois reeducandos da Funap, órgão ligado à Secretaria de Justiça e Cidadania. 

Foto: Divulgação/GDF Presente
Arniqueira – região administrativa que abrange também o Areal – não fica para trás. Dez toneladas por semana de inservíveis são deixadas nas áreas verdes da cidade e na entrada de condomínios. Foto: Divulgação/GDF Presente

Arniqueira

Arniqueira – região administrativa que abrange também o Areal – não fica para trás. Dez toneladas por semana de inservíveis são deixadas nas áreas verdes da cidade e na entrada de condomínios. Além do apoio do GDF Presente, a Administração Regional lançou mão de uma campanha neste mês para o recolhimento desse material sempre às sextas-feiras.

“Em nosso primeiro aniversário, resolvemos fazer essa campanha de recolhimento de inservíveis, por agendamento, para conscientizar os moradores. Pedimos a colaboração da população para uma cidade mais limpa”, lembra a administradora regional, Telma Rufino.

Por telefone, o morador informa o local, agenda um horário e o caminhão passa para retirar o material descartado. “Orientamos a população semanalmente e, aos poucos, vamos conscientizando sobre o descarte correto. Quando o GDF Presente está com a gente, recolhemos quase o dobro de entulhos”, acrescenta o diretor de Meio Ambiente da Administração Regional, André Luis Sales.

Foto: Divulgação/GDF Presente
No Varjão, a situação também é complicada. Lá, em média, são recolhidas 15 toneladas por dia de resíduos. Foto: Divulgação/GDF Presente

Varjão

No Varjão, a situação também é complicada. Lá, em média, são recolhidas 15 toneladas por dia de resíduos. A Administração Regional também disponibilizou um serviço de recolhimento, sempre às quintas-feiras.

“O cidadão não pode achar que joga esse tipo de lixo fora e a Administração Regional que se vire. Estamos apostando nesse serviço e designamos servidores para orientar a comunidade sobre como descartar. Será um trabalho porta-a-porta”, informa o administrador Lúcio dos Santos. Ele destaca que é comum no Varjão se encontrar sofás e eletrodomésticos na esquina de algumas ruas.

Descarte correto

O SLU conta com dez papa-entulhos por todo o DF, que recebem restos de construção civil e podas, além dos chamados “volumosos’, que envolvem sofás, camas e móveis.

Já em relação aos eletrodomésticos, a recomendação do órgão é o reuso ou, simplesmente, a doação. “Reforçamos sempre que é preciso reutilizar esses produtos. O cidadão pode procurar uma instituição de caridade e doar sua geladeira. Seu colchão não serve mais, lembre-se que tem muita gente dormindo no chão. A educação passa por essas atitudes”, finaliza o assessor especial do SLU, Guilherme Almeida.

O endereço dos Papa-entulhos por todo o Distrito Federal pode ser encontrado neste e-mail

Fonte: Governo DF

Felipe Viana

Felipe Viana