PF combate fabricação e distribuição de notas falsas em Minas Gerais


Uberlândia/MG – A Polícia Federal deflagrou na terça-feira (28/9) a Operação TRIÂNGULO DAS BERMUDAS, com o apoio da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais, para desmantelar um dos maiores laboratórios gráficos de contrafação de cédulas falsas de boa qualidade.

As investigações identificaram que o laboratório, sediado em Ituiutaba/MG, fabricava cédulas falsas de 10, 20, 50 e 100 reais, além de ser o primeiro no país a falsificar notas de 200 reais e vendê-las para todo o Brasil.

A organização criminosa utilizava maquinário diversificado e várias técnicas gráficas para simular os itens de segurança das cédulas verdadeiras.
Durante a deflagração, a Polícia Federal apreendeu mais de meio milhão de reais em cédulas falsas, grande quantidade de aparatos para falsificação de moeda, como várias impressoras diferentes, laminadoras, guilhotinas, máquina de cola quente, telas de marcação, telas de luz, secadores, CPUs, diferentes folhas com marcas d´água e simulações de itens de segurança, invólucros com tintas diversas, papéis diversos para impressão de cédulas, equipamento gráfico, telas de serigrafia, tintas de serigrafia, papéis foil e material de acabamento. Dois homens foram presos em flagrante e dois fugiram.
A Polícia Federal estima que os investigados tenham produzido, até o momento, mais de 10 milhões de reais.

Os investigados responderão pelos crimes de moeda falsa e organização criminosa, podendo cumprir até 20 anos de reclusão, se condenados. Os presos serão encaminhados à Cadeia Pública de Tupaciguara/MG, onde permanecerão à disposição da Justiça Federal.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando.

 

Comunicação Social de Polícia Federal em Uberlândia
pf.udi.mg@dpf.gov.br | www.pf.gov.br
Contato: (34) 3230-2000

Felipe Viana

Felipe Viana