Solidariedade confirma que Marta Suplicy não será candidata em São Paulo


source
Marta Suplicy
Reprodução/Instagram @martasuplicy

Marta Suplicy vinha como nome forte para a disputa da Prefeitura de São Paulo

O Solidariedade confirmou nesta quarta-feira (9) que Marta Suplicy não será mais candidata à Prefeitura de São Paulo nas eleições municipais de 2020. A desistência ocorreu após reunião das lideranças do partido com Marta na tarde de hoje, por volta do horário do almoço.

Segundo o presidente municipal do Solidariedade, Pedro Nepomuceno,  a vontade desde o início era que a sigla tivesse uma candidatura própria. “A gente estava lutando para isso desde o começo, todo mundo sabe disso. Mas a Marta não quis ser candidata”, afirmou Nepomuceno ao iG .

Ainda de acordo com o líder municipal, as negociações que estavam sendo feitas com o PSDB para que Marta formasse chapa como vice do prefeito Bruno Covas, que tenta a reeleição, não avançaram. Agora as tratativas seguem com Márcio França e uma reunião deve ocorrer nesta quinta-feira (10), às 15h, entre o Solidariedade e o PSB.

Por conta de ser o subprefeito da Região de Santana e Tucuruvi na gestão de Covas e o PSDB ter encerrado as negociações com Marta, Nepomuceno deixou o cargo à disposição do partido. “Não tem a mínima condição de eu continuar no cargo sem ter esse apoio do prefeito”, disse.

Procurada pelo iG , a assessoria da campanha de Bruno Covas ainda não respondeu os contatos feitos pela reportagem. O espaço continua aberto para manifestação.

Felipe Viana

Felipe Viana