Bombeiros fiscalizam ferros-velhos em busca do Aedes aegypti


.

Para monitorar pontos com características de risco para proliferação do mosquito Aedes aegypti, como ferros-velhos, depósitos de reciclagem e borracharias, o Corpo Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) começou a Operação Pontos de Controle. A ação ocorre em parceria com a Vigilância Ambiental, da Secretaria de Saúde, por meio do Grupo de Trabalho de Combate à Dengue

Foto: Agência Saúde/Divulgação

“Vamos visitar pontos já identificados e monitorá-los, antes do período chuvoso. O objetivo é eliminar possíveis criadouros e impedir a disseminação de arboviroses, como dengue, chikungunya e zika”, explicou o comandante das ações de combate à dengue no CBMDF, tenente-coronel Deusdete Vieira.

A primeira cidade a receber a ação foi Brazlândia. Nesta terça-feira (8), os militares estiveram em Ceilândia, onde ficarão até esta quinta-feira (10). “A prioridade são as regiões administrativas com maior incidência das doenças. Mas queremos visitar todos os pontos e estar no maior número de cidades no DF”, contou Vieira.

O trabalho realizado tem três fases: inspeção, orientação aos proprietários dos ferro-velhos, depósitos de reciclagem e borracharias; orientação e eliminação dos focos, caso exista, com aplicação de biolarvicida. “São produtos biodegradáveis e que não agridem o meio ambiente e não fazem mal aos seres humanos”, diz o coronel. 

* Com informações da SSP/DF

Fonte: Governo DF

Felipe Viana

Felipe Viana