Advogado pede confisco de documentos de Maurício Mattar por atropelamento


source
Maurício Mattar
Divulgação

Maurício Mattar


Maurício Mattar ainda sofre as consequências de um atropelamento que causou em 1999. Na ocasião, o então motoboy Rodrigo Mattos foi não só atropelado, mas também teria sido agredido por Mattar, segundo testemunhas da época.

Aldo Assis, advogado que representa a vítima, vai pedir o confisco do passaporte, da carteira de habilitação (CNH) e de eventuais cartões de crédito que o ator esteja usando. Essa é provavelmente a última tentativa do advogado para tentar forçar Mattar indenizar seu cliente.

Segundo o colunista Ricardo Feltrin, Maurício Mattar chegou a ter bens penhorados e, no ano passado, foi condenado a pagar uma indenização que já estava em cerca de R$ 65 mil. No entanto, nunca nada disso foi cumprido. No mês passado, a vítima disse que estava cansada de esperar o cumprimento da sentença.

Fonte: IG GENTE

Felipe Viana

Felipe Viana