Oito banhistas morrem afogados em praias de SP; há dois desaparecidos


source
bombeiro de costas
Reprodução / Governo de São Paulo

Litoral

Equipes do corpo de bombeiros da baixada santista e da região do Guarujá registraram no fim de semana oito mortes por afogamento nas praias de São Paulo. Ao todo, mais de um milhão de banhistas eram esperados na região para o feriado prolongado de sete de setembro .

Além das mortes registradas, há duas pessoas desaparecidas na região, ambas em Itanhaém. Eles seriam dois jovens, de 18 e 21 anos, que sumiram após entrarem no mar.

Os outros óbitos foram registrados em Guarujá (3), Monguaguá (3), Ubatuba (1) e Bertioga (1). Todas as vítimas são homens entre 22 e 60 anos de idade. A maioria elas moradora da capital.

De acordo com o Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar), já são 380 ocorrências contabilizadas de sábado (5) até esta segunda-feira (7). Equipes da Polícia Militar registraram imagens de alguns dos resgates feitos com o auxílio do helicóptero Águia.

As mortes denunciam a grande quantidade de pessoas no litoral paulista no feriado mesmo no meio da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). Em Santos, 80% da lotação permitida dos hotéis foi registrada.

Felipe Viana

Felipe Viana