Padrasto de estudante picado por naja no DF assume novo cargo na PM


source
Pedro Henrique Krambeck foi indiciado por tráfico de animais e associação criminosa.
Pedro Krambeck / Redes sociais

Pedro Henrique Krambeck foi indiciado por tráfico de animais e associação criminosa.

Nesta quinta-feira (3), o padrasto de Pedro Henrique Krambeck, estudante de veterinária picado por uma naja e indiciado por tráfico de animais , assumiu um novo cargo na Polícia Militar do Distrito Federal. A publicação foi feita ontem (2) no Diário Oficial do DF.

O tenente-coronel Clóvis Eduardo Condi, que antes era subcomandante operacional do Comando de Policiamento de Trânsito, agora é chefe da seção administrativa do 2º Comando de Policiamento Regional da PM-DF .

Condi foi indiciado por associação criminosa, tráfico , maus-tratos, fraude processual e corrupção de menores no “caso naja”. Em agosto, a Polícia Militar abriu um inquérito para investigar o coronel. 

Felipe Viana

Felipe Viana