Humilhado na Rede TV!, homem receberá indenização da emissora


source

A Rede TV! foi condenada e terá que pagar uma indenização a André Luis Lopes, de 35 anos, que trabalha na área de construção civil. Ele decidiu processar a emissora após um vídeo em que aparece alcoolizado ser exibido no programa “Encrenca” e, na ocasião, ele foi motivo de chacota.

Encrenca
Reprodução

Vídeo foi exibido no “Encrenca” em 2019

André entrou na Justiça e pediu a quantia de 80 salários mínimos, que equivale a R$ 86,3 mil, mas, segundo divulgado pelo Notícias da TV, o juiz Paulo César Ribeiro Meireles determinou um valor bem abaixo, R$ 4,5 mil por danos morais. Ele pode recorrer a ação que corre na 1ª Vara Judicial do Fórum da Comarca de Guratinguetá desde agosto de 2019.

De acordo com o que foi citado pelo juiz nos autos, em julho do ano passado, André estava em um bar em um dos seus raros momentos de lazer consumindo bebida alcoólica, o problema é que ele era dependente e lutava contra esse vício. Ele acabou exagerando na bebida e foi filmado pelas pessoas que estavam no bar.


“O referido vídeo tomou proporções imensas, sendo propagada pela rede social WhatsApp e pelo YouTube, inclusive sendo transmitido em rede nacional, pelo programa Encrenca”, pontou o juiz em outro trecho e acrescentou que, depois disso, André passou a ser “motivo de piada” no bairro.

Além de exibir as imagens, os apresentadores do “Encrenca” – Ricardinho Mendonça, Angelo Campos, Dennys Motta e Tatola Godas – fizeram comentários que ofendeu o protagonista do vídeo. Com a música ‘A Marvada Pinga’ de fundo, foi “dito coisa do tipo “Ele está tão doidão que ele pegou o celular para beber”, “Ele tá doidão não, Tatá”, “O médico disse que ele não podia beber”, “Tá louco”.

O vídeo foi exibido sem autorização e o juiz entendeu que André realmente foi exposto em rede nacional. A Rede TV! não quis comentar sobre o processo.

Fonte: IG GENTE

Felipe Viana

Felipe Viana