Plano São Paulo terá novas regras para ajudar na retomada da economia, diz site


source
João Doria%2C governador do estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo

João Doria, governador do estado de São Paulo

O governo de São Paulo deve anunciar mudanças no Plano São Paulo nesta segunda-feira (27), na coletiva de imprensa. De acordo com reportagem publicada pelo portal UOL, as atuais regras obrigam a manutenção de leitos abertos sem necessidade e quase inviabilizam o progresso para as fases verde e azul, as mais avançadas do plano. A capital, por exemplo, vai completar quatro semanas na fase amarela. 

A mudança será chamada de “recalibragem” e ainda de acordo com a reportagem do UOL, foi estudada ao longo do mês de julho.

Nas regras atuais do Plano São Paulo, para uma cidade mudar para a fase verde, é preciso ter uma taxa de ocupação de leitos da Covid-19 abaixo dos 60%. Mas, o governo entende que são vagas mantidas por tempo indeterminado e que quase não serão usadas, o que aumenta o custo.

Por isso, prefeitos reclamaram da situação no começo do mês e agora o governo estadual vai alterar esse percentual. O UOL apurou que o índice estudado é de 75%, mas o martelo não foi batido.

Outra mudança é que uma região que permanecer quatro semanas na mesma fase do Plano São Paulo terá direito a progredir de estágio. Os novos critérios começam a valer em 31 de julho.

Felipe Viana

Felipe Viana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *