Roberto Jefferson “ora a Deus” para que Barroso, Fachin e Moraes se prejudiquem


source
roberto jefferson
Valter Campanato/Agência Brasil

Presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, teve conta suspensa do Twitter após declarações polêmicas

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson , teve a conta suspensa do Twitter no início da tarde desta sexta-feira (24), após assumir que torce para que “Deus quebre as mãos” dos ministros Alexandre de Moraes , Edson Fachin , Luís Roberto Barroso . O político disse na rede social que guarda rancor dos magistrados e que “ora todos os dias para que Deus quebre as mãos” deles.

“O Ministro Barroso , em 2014, quando deixei o regime fechado de prisão e fui trabalhar, dei uma entrevista sobre o Petrolão, Barroso me censurou e determinou meu silêncio, censura, sob pena de eu voltar ao regime fechado. Exorbitou das suas funções. Me fez sofrer”, declarou Jefferson .

O político também menciona que o ministro Alexandre de Moraes expediu um mandado em sua residência. O ato foi visto por Roberto Jefferson como “invasão” que gerou desmoralização diante da vizinhança. Moraes foi chamado de “rancoroso tucano e comunista” que tomou atitudes para desmoralizar Jefferson.

“O Ministro Moraes , rancoroso tucano e comunista, mandou invadir e revistar, nessa mesma ocasião, a casa de Ecila Brasil, mãe de meus filhos e avó de meus netos, de quem estou separado há mais de vinte anos. Fez para nos humilhar, pois o camburão nos desmoralizou em Petrópolis”, contou.

Felipe Viana

Felipe Viana