Reguffe registra desconto na conta de água no DF devido a projeto de sua autoria

O senador Reguffe (sem partido-DF) disse, em discurso nesta quarta-feira (7), que os consumidores do Distrito Federal receberão R$16 milhões de volta nas suas contas de água devido a um bônus-desconto a que têm direito aqueles que economizaram no ano passado


Foto: Waldemir Barreto.

A devolução, explicou o senador, será feita ao longo do ano, conforme os consumidores estão sendo informados ao receberem sua conta de água. Segundo o senador, isso se deve a um projeto de sua autoria aprovado em 2009, quando era deputado distrital.

A Lei nº 4.341, de 2009, originária do projeto, determina que o consumidor que economizar água, em comparação com o mesmo mês do ano anterior, terá direito a um bônus-desconto, na sua conta, de 20% sobre a economia realizada.

- Isso é uma fórmula criativa, no sentido de incentivar as pessoas a economizar água - disse o senador, lamentando lamentou que os governos locais não tenham realizado campanhas educativas sobre esta lei, o que poderia ter amenizado a crise hídrica que atingiu o Distrito Federal.

O senador destacou ainda um projeto que proíbe a cobrança de assinatura básica na conta de água em todo o país, ou seja, que proíbe a cobrança de consumo mínimo, devendo o consumidor pagar somente o consome.

Espero que esta Casa vote. Está na CCJ. Espero que esta Casa vote esse meu projeto. Não é justo o consumidor ter que pagar mais do que efetivamente consome.

Reguffe também fez um apelo para que seja encerrado o racionamento de água no Distrito Federal.

- Não tem mais cabimento continuar esse racionamento. Cai um dilúvio no DF, as pessoas enguiçam carros nas ruas, atolados em poças d’água, têm dificuldade pra chegar nas suas residências com a chuva caindo torrencialmente, aí chega em casa, abre a torneira e não tem água - disse o senador.

Portal Cidades e Condomínios por Jornalista Paulo Melo 61 98497-2015